Final de semana atípico: do silêncio, da mania e dos agitos culturais

Final de semana atípico. Crianças foram com o papai pra praia, casa praticamente silenciosa.  Acordei ao meio dia (!!!). Nada de TV nem rádio ligados e isso aconteceu sem me dar conta. O silêncio ficou meu companheiro.

O computador, claro, esse eu não larguei. E Patrick e Bob Esponja (se não toca o interfone) costumam ser tranqüilos. Assim o dia foi passando e eu me envolvendo com estar comigo mesma, escolhendo o programa cultural do dia. Com o Porto Verão Alegre acontecendo, imagina se a vontade de assistir todas as peças não estava agitando minhas mitocôndrias?




Mitocôndria em microscopia eletrônica by http://www.brasilescola.com

Pois é, mas ao mesmo tempo, uma vontade de continuar curtindo o estar quase sozinha fui crescendo e aí vieram as dúvidas: tem Inimigas Íntimas, que estou doida pra ver no teatro, tem uma porção de filmes... mas quase todos não teriam graça sem a companhia do Alemão, porque cinema é nosso programa. Tem Rede Social (mas acho que primeiro vamos terminar de ler o livro), O Garoto de Liverpool, De Pernas pro Ar, Biutiful...


Aí lembrei que tem Homens de Perto, Comédia dos Erros (muito premiada), tantas opções... No fim, passei o dia entre tweets - facebook, sorry, era dia de protesto contra tirar as imagens de mães amamentando, porque não tem nada de anormal nem erótico nisso - e distribuição da feijoada do maridão,  passeios com os cães nas tréguas da chuva...


Enrolei, enrolei e acabei me decidindo: vou prestigiar a ex-colega de Biologia que está arrasando no palco. Fernanda Carvalho Leite é o nome dela. Ela é linda e muito talentosa. Junte-se a isso um texto muito bem feito e outra atriz que consegue se transformar inclusive fisicamente em muitas pessoas em questão de segundos: Ingra Liberato. Jesus!!! A peça é um arraso!!!


Eram mais de 22h30min quando saí do teatro. Confesso que a vontade era de dirigir muitas milhas e chegar ao Farol da Solidão. Sim, porque eu estava sozinha, mas não me sentia solitária. Descobri que apesar de estar em plena fase de mania (a madrugada foi de intensa limpeza nos brinquedos do Caio e arrumações... abafa), estava sendo boa companhia para mim mesma. Não tinha raiva, angústia, depressão. Tinha Deus bem forte dentro de mim. Tinha paz e sossego. Me sentia aconchegada.


Ao chegar em casa, jantei, fiquei sabendo dos piás e do marido, desci com Patrick e Bob Esponja pro xixizão noturno - nada de preguiça pra não ter acidentes escatológicos em casa! - e aí baixou o caboclo da organização. O meu caboclo devia ter cheirado talco Alma de Flores, Cashmere Bouquet ou Vinólia vencido, claro, porque o processo todo foi meio assim: ia ao quarto colocar os brinquedos que descobri embaixo do sofá, aí lembrava que tinha roupas do Caio numa sacola pra passar adiante, daí chegava até a cozinha pra limpar  alguma coisa, pra de repente lembrar que tinha umas coisas pra fazer a rifa que logo mais vai acontecer aqui, pra ajudar o pessoal de Santa Catarina, que, gente, mais um ano está padecendo com o descaso das autoridades e está desabrigado. 

www.memphisbr.com
http://carissimascatrevagens.blogspot.com















Depois voltei pro quarto do Caio, pro depósito, pra sala, bem... sempre tem algo pra fazer nessa arrumação meio caótica minha.


E assim foi até 4h15min quando me dei conta de que estava envesgando ao tentar responder e-mails e posts do facebook e tweets também.


***********************************************************
Acordei eram 10h15min. Estranhei. Cedo pra quem tinha dormido tão tarde.


Chuva. Humpf... meus planos de fotografar a cidade pra mostrar a vocês literalmente foram por água abaixo. Mas aí meu dindão postou no FB um vídeo lindo, que me fez chorar, por tudo. As imagens mostram locais turísticos/históricos de Porto Alegre, mas a música, que é praticamente um hino da nossa capital, me traz muitas lembranças. De infância, adolescência, de uma peça de teatro que fala da ditadura e se chama Bailei na Curva (de onde a música saiu) - claro que quero rever! - e dos tempos em que fazia teatro também.


Quis compartilhar. Espero que curtam tanto quanto eu! Feliz domingo! Vou voltar ao meu silêncio!




4 pitaco(s):

Mãe Mochileira,filho malinha.. disse...

Aiii..nos primeiros instantes é uma delicia..depois da uma saudade da barulheira e da agitação ,não é??rsrssr..Bom domingão para vc Ingrid!! beijos!
;-)

Nilce disse...

Muitas vezes precisamos do silêncio.
Adorei o video, linda Porto Alegre.

Bjs no coração!

Nilce

Ana Carolina disse...

Conheci esse cantinho agora e já fiquei por aqui! BJKS

E´passa lá no meu cantinho depois!

Ana Carolina
www.quasemaepai.blogspot.com

Claudia disse...

Oi Lindona!
Adorei o post, quantas coisas acontecendo por ai, heim?
Adorei o video.
Quero muito conhece-la pessoalmente. Quem sabe este ano nao saia um encontro aí no sul, ne?
Obrigada pelo carinho no blog
Mil bjks e uma otima semana

http://blogdaclauo.blogspot.com/

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...