Tá chegando a semana do Meio Ambiente


Estamos nos encaminhando para a finaleira do mês de maio e no começo de junho temos uma data para comemorar (?): o dia do meio ambiente. Geralmente as pessoal se lembram de falar mais de questões ecológicas/ambientais quando estamos na semana no meio ambiente e eu não preciso chegar lá pra falar de uma coisa que dá pano pra manga aqui em casa: COLETA SELETIVA.


Aqui se separa o lixo e as crianças estão na jogada, mas sempre surgem algumas dúvidas, especialmente porque a zeladoria do prédio não faz questão de ajudar na separação do lixo e ficamos nos perguntando o motivo. Sabem o que descobri: que dizia-se que não havia coleta seletiva no nosso bairro...mas não é verdade.


Essa semana econtrei um material sobre isso e nele continha, além da informação de quando os bairros têm os seus dias de coleta do material reciclável, algumas informações incompletas...

Mas já ajudam a pensar:


Materiais recicláveis, quais são?



  • Papel: jornais, revistas, cadernos, listas telefônicas, papelão, embalagens de papel e longa vida;

  • Metal: latas de cerveja e alunínio em geral, latas de conservas, panelas, talheres, cobre, zinco, bronze e ferro;

  • Plásticos: garrafas PET, sacolas plásticas, embalagens d eprodutos de higiene, de limpeza e de alimentos, isopor, brinquedos e utensílios de plástico em geral;

  • Vidros: garrafas, vidros de cnservas, vidros de produtos de higiene e limpeza.

O que não diz no folheto da Prefeitura/Departamento Municipal de Limpeza Urbana é que o interessante é que os materiais esteja limpos e secos para não mofarem nem contaminarem os garis, já que eles manuseiam e podem se machucar, já que tem gente que coloca coisas quebradas sem protegê-las... E aí a infecção e conseqüente tétano são bem próximos, até porque nem sempre as luvas são suficientes para proteger os profissionais da limpeza urbana.


Fala-se muito em benefícios econômicos e ambientais, mas nem isso tem sido suficiente para motivar as pessoas, acreditam?


Mas como sou fã de reciclar, reutilizar e reaproveitar materiais não apenas por ser bióloga, mas por ter sido criada num ambiente cujo raciocínio era esse, sempre se teve um certo espaço para sucata em casa, fosse pra fazermos brinquedos com as caixas de remédios, potes de iogurte, mas porque seguidamente professoras solicitavam e as mães do condomínio se viam loucas até descobrirem que a Dona Ciça sempre tinha uma reservinha para os dias de chuva e de falta do que fazer...hehehe!


Falando nisso, mais uma vez indico o site da Gisele, que é o Kidsindoors, onde encontramos muitas dicas bacanas de como aproveitar o tempo, as sucatas e a disposiçãod as crianças para fazer coisas criativas. - Acho melhor que Mr. Maker e Art Attack!!!


Ah, antes que esqueça: várias cidades estão realizando eventos sobre ecologia, biodiversidade e afins. Liguem-se!


Na UFRGS no sábado tem o Fronteiras da Biodiversidade, aberto ao público, só precisando se inscrever quem deseja certificação para a participação no evento!

2 pitaco(s):

Fala Mãe! disse...

Pois é Ingrid, eu tava pensando nisso outro dia, parece óbvio, mas muito gente não sabe o que pode reciclar, por exemplo, muita gente tem dúvida em relação ao isopor, tetrapak. Acho que o governo tem que pegar sério numa campanha informativa para que o negócio funcione bem.Fico doida no meu prédio, pois as pessoas separam o lixo e depois jogam no livro errado, simplesmente porque não tem etiqueta indicando qual lixo é qual, pode isso rs?
beijos querida e passa no meu blog que tem sorteio.

gisele.artes disse...

obrigada pela lembrança! O cássio e a cecília, adoram reciclar! Proncipalmente pq sabem q os potinhos e canudinhos, rolinhos de papel e papelão vão virar brinquedos novos feito por eles!! É muito mais divertido fazer e mais divertido brincar com eles tb, tem todo um lado afetivo, aquela velha história de se dar mais valor as coisas quando vc mesmo faz ou compra com o suaor do seu trabalho!!!
bjos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...