Perigo está mais perto do que pensamos

Sabe aqueles momentos em que estamos tentando passar desodorante e aí a filha grita que a água do banho dela está muito quente? Nesse instante, tem um pretendente a gurizinho (1 ano e 9 meses) com a máscara do Batman correndo atrás, marido chamando porque está revendo instantes decisivo dos candidatos a presidência e comentando algo... Tudo assim, junto-ao mesmo tempo- agora?!

Pois aqui em casa acontece direto. E foi nesse exato momento, em que eu estava tentando melhorar a temperatura do banho da Larissa quando me dei conta do silêncio no ambiente... E silêncio, se tratando do Caio, é sinônimo de ESTAR APRONTANDO! 

E era verdade: ele abriu a tampa de rosca do desodorante e estava passando nas bochechinhas, bem sorridente... e se assustou porque a mãe descabelada disse NÃO (num tom meio alto) e tomou de suas mãozinhas, já saiu lavando o rostinho...

Mas quem tem crianças e vive na correria (alguém não vive?) tem dessas coisas. E, por mais cuidadosa que eu seja, acidentes acontecem. Esses dias mesmo, uma coisa péssima aconteceu: num dia de fúria porque a gengiva está rasgando graças aos novos dentinhos, o Caio saiu colocando na boca tudo o que podia alcançar. Nisso, conseguiu pegar uma caixa de remédio que julguei ter colocado (às pressas) num lugar seguro.
Ledo engano... Quando cheguei em casa, tomei um "presta" do maridão, com toda a razão: o medonho tinha não apenas pego, como também comido uma parte da caixa de remédios e... tchantachantachan... COMIDO MEIO COMPRIMIDO ou, caso não tenha engolido, tinha experimentado, porque tinha apenas metade dele no blister aberto... E acho que ele não gostou do sabor mesmo, pois dias depois encontrei (sorte!) o pedaço que faltava!!!

CULPA, MINHA MÁXIMA CULPA!!!! Dias de tortura mental... "Mas eu deixo os remédios numa altura que ele não alcança... Os produtos de limpeza numa estante alta, num cômodo que ele mal chega perto!"

E aí, hoje pensava sobre costumar ser cuidadosa, porém não estar livre de acidentes domésticos...  Chegou uma newsletter do Jornal de Pediatria, com esse artigo, que quero compartilhar: Fatores de risco que contribuem para o envenenamento pediátrico .

Vale a pena!!!

8 pitaco(s):

Mariana Hart disse...

Aiii...acontece nas melhores famílias!!!! hahahhaa...eu ri,sorry!:)) Vc tb deve ter morrido de rir depois do susto né?!rsrs!

sofia-educarcomcarinho disse...

Como eu sempre digo nós não somos perfeitas... somos humanas e temos as nossas falhas. Por vezes prendemo-nos na ideia que somos perfeitas e por isso nos sentimos culpadas.
Claro que temos que ter muita atenção com detergentes e medicamentos, os nossos filhotes gostam de explorar tudo, né? Ainda bem que não foi nada grave e com estes pequenos acidentes também se aprende.

gostei muito do seu blog :)

Um beijo

sofia-educarcomcarinho disse...

Como eu sempre digo nós não somos perfeitas... somos humanas e temos as nossas falhas. Por vezes prendemo-nos na ideia que somos perfeitas e por isso nos sentimos culpadas.
Claro que temos que ter muita atenção com detergentes e medicamentos, os nossos filhotes gostam de explorar tudo, né? Ainda bem que não foi nada grave e com estes pequenos acidentes também se aprende.

gostei muito do seu blog :)

Um beijo

Li disse...

Minha avó sempre me dizia, que criança tem o dom de nos cegar, pois muitas vezes, eles conseguem driblar toda nossa atenção e cuidado.
Mas faz parte!
Beijo grande!
Li

O Burro que chora disse...

Ai! todo cuidado é pouco...
Eles são os caçadores do proibido...
felicidades

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...

Com els todo o cuidado é pouco e não pode haver descuidos. Nós bem nos esforçamos mas não somos máquinas...

Como é duro ser mãe!

Bianca disse...

Olá ingrid! rs, fiquei imaginando a cena... menina, uma vez minha prima tomou a cartela inteira de anticoncepcional da mãe que ela pegou na bolsa. Minha tia chegou e ela disse; 'mamãe, balinha'. Imagina a tensão? Graças a deus não aconteceu nada. Acidentes acontecem, criança cega a gente! Beijos

Claudia disse...

Oi amiga!
Por mais cuidadosa que seja...eles conseguem aprontar. Aqui silencio é sinonimo de traquinagens tbe!
Querida, estou te seguindo no Twitter.
Mil bjks

http://blogdaclauo.blogspot.com/

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...