"Em cima do piano tinha um copo de veneno; quem bebeu, morreu! O azar foi seu!" ,

Gente amiga, eu venho dar a mão à palmatória. Bebi veneno. E só quem ficou dias remoendo a raiva, a sensação de ter sido passada pra trás, fui eu.

http://www.hblog.com.br


Tenho visto muitos posts parecidos entre si e ficava sempre em dúvida sobre se alguém tinha sido plagiado, ou se havia uma inspiração e tal, sem citação da fonte. Até desconfiar que tinha acontecido comigo e tomar isso como verdade.

Fiquei azeda, com nó no estômago e passei dias olhando pra comida e nem conseguindo comer... O primo Cássio, inclusive, pensou que eu estava desdenhando da rica comida que ele preparou com gosto na última sexta-feira, lá no Rio de Janeiro. Passei DIAS passando mal com o veneno que ninguém me empurrou pra tomar.

Imagem: http://www.hojes.com.br/
Mas eu sou impulsiva e tomei uma atitude que poderia ter dado certo ao escrever uma mensagem falando do meu desgosto, se tivesse partido pro diálogo com a pessoa e medido mais as palavras, o que não aconteceu. Falando bem a verdade, eu atolei os dois pés e usei as jacas como pantufas.

Aí que magoei uma pessoa que mal conheço e venho, então, dizer publicamente que este é um problema que arranjei, ao continuar muito destemperada. E, assim, acabei envenenado um grupo ao abrir para outras pessoas. Falando bem a verdade, elas me aconselharam a ser mais prudente e pensar antes de agir, em sua maioria.

Provavelmente a pessoa até já tenha virado a página, porque envenenado é aquele que ficou remoendo.

Não vou justificar minha atitude com a desculpa da bipolaridade, pois sou gente grande e é hora de aprender a não descompensar tão facilmente. 

Mas uma coisa que não vai mudar no meu comportamento é acreditar que créditos precisam ser dados quando um texto é escrito com inspiração em algo que outrem nos causou, fazendo lembrar ou imaginar fatos.

Até pra isso também existem as blogagens coletivas, né?!

Só depois de ter colocado pra fora e ter recebido um retorno foi que o mal-estar passou. Instantaneamente... E depois caiu a ficha, de que dá pra fazer diferente.


Imagem: http://originalolindastyle.webnode.com.br/


23 pitaco(s):

Tuka Siqueira disse...

Eu uso muito a frase: "A raiva é um veneno que a gente toma,esperando que o outro morra."
Ou seja, só que sofre, somos nós mesmas.
Eu também sempre fui muito impulsiva, mas já aprendi muito a me controlar.
Mas o mais importante é que vc reconheceu teu erro. Isso não vai apagar a mágoa que vc causou, mas contará muito a teu favor daqui a algum tempo, depois que a poeira assentar.
Bjs

Fê Iasi disse...

vou plagiar Vinicius: "se todos fossem iguais a você..."
sempre bom saber o que "realmente" acontece né gaucha? linda atitude! bjo!

Luciana disse...

Que bom que vc resolveu esse assunto tanto com a pessoa, como em vc mesma. Ficar remoendo coisas faz um mal que a gente nem imagina...bjs gaucha!

liasergia disse...

Lôralindaamadadomeucuore... O importante mesmo, além de reconhecer o erro, é entender o erro e querer melhorar. Aconteceu, já foi... Agora é aprender e tocar o barco.

Beijoooo!!

Um espaço pra chamar de meu disse...

admitir o erro é maravilhoso, saber que agiu com impulsividade e tal, vc estava se defendendo...natural isso...
Mas eu vejo muito nas BC posts parecidos de pessoas que nem se frequentam,vamos dizer assim, acho que a inspiração acontece igual algumas vezes, mas concordo que se vc viu em algum lugar,gostou e quer falar coloque sua fonte,vc está certa...
Eu mesma peguei umas coisas do blog da Cris, coisas do layout,links e tal,mas falei com ela...
Grande bj em vc,lora!!!!

Thaty disse...

Eu ia falar justamente o que a Rogéria falou: a inspiração as vezes dá em mais de uma pessoa. Já tivemos na Crescer e na Mulher e Mãe, ao mesmo tempo, assuntos idênticos e com títulos extremamente parecidos. Ao que parece, tudo uma grande coincidência, mas... rs

Parabéns pela atitude de assumir a "destemperança" :)

Bjs
Tati

Julia Costa disse...

Eu entendo você e admiro ter reconhecido o erro causado pelo impulso. O plágio é frequente entre os blogs, o que é triste. É importante citar fontes, seja para fotos, para textos ou até mesmo para ideias sobre o conteúdo do seu blog. Vejo muito isso acontecer na minha área de atuação. Sou assessora de imprensa e é comum a mesma assessoria enviar a mesma sugestão de pauta para mais de um veículo. É feio e não pode acontecer. O mesmo acontece no mundo dos blogs.

Por isso, compreendo mesmo sua impulsividade. O infortúnio foi estar estar errada, mas o importante é que assumiu o erro. ;)

Beijos, Julia.

Ly Mello disse...

Amore, uma das maiores virtudes do ser humano é reconhecer o erro, e tentar consertar! A vida é assim, a gente erra pra poder acertar amanhã, não é verdade?
Além do mais, quem nunca errou, que atire a primeira pedra!

Beijocas.

Mari Hart disse...

Tb concordo com a Ro querida! As vezes a inspiração coincidentemente pode ser a mesma, já ouvi pro aí gente dizendo que "fulana imita meu jeito de escrever". Oi!? Como assim jeito de escrever?! Não seria egocentrismo e/ou mania de perseguição demais!?

Mas no seu caso, o melhor foi feito. Resolvido entre as partes e por mais que um impulso possa colocar tudo a perder, nunca é tarde para reconhecer o erro! Acho digno!

Bjos queridona!

Lena disse...

Sempre bom refletir, pensar, remoer, enjoar antes de qq atitude ser tomada. Legal, mto bom o texto. Bjkas

Lua Ugalde disse...

É uma atitude muito nobre assumir um erro. Isso vc já fez! Confesso que não sei o que teria feito no seu lugar, por isso costumo tentar não julga se esta certo ou errado. Se te fez mal e vc não quer voltar a se descontrolar ótimo! Só não continue se envenenando, desta vez com o veneno da culpa!
Bjoos!!!

www.devaneioslunares.blogspot.com

Viviane Pereira disse...

Que bom que tudo foi resolvido Ingrid. Me desculpe se eu contribui para a sua destemperança, este não foi meu intuito, viu?

Mas melhor mesmo é sempre colocar tudo em pratos limpos, sem pulgas atrás da orelha, por favor! :-)

bjs

Anelize disse...

Uma fofa vc querida!
Tais certa... Se redimiu, pronto.
Serviu de lição...
Todos nós erramos, somos humanos, agimos por impulso, falamos o que não devia...
Todos passam por isso
Vc foi humilde, se desculpou e se redimiu publicamente.
Parabéns por sua atitude tão humana e sincera.
Um grande beijo,
Anelize mamãe da Malu

Geovana Centeno disse...

Oi querida estava com saudades daqui, mas agora to mais preparada pro mundo materno...

Bom sobre o teu post, como estava fora, não sei bem o que ando passando, mas concordo contigo sobre citar fontes, acho de pessimo gosto a pessoa copiar a outra, se inspirar é uma coisa copiar é bem diferente...

tambem sou impulsiva assim como vocÊ, mas to tentando lidar ou melhor dizendo tentanto....

Beijocas nos filhotes e em vc, saudades do Sul!

Ana Carolina Amado disse...

Ingrid, não sei em algum momento vc falou para as pessoas, que a "plagiadora" em questão fui eu.

Eu não plagiei. Não sou destas.

Prezo muito pela transparência e se vc alguma vez entrou no meu blog poderia ter visto inúmeros posts com músicas ao final, falando de despedidas. Não que eu queira que isso seja privilégio apenas meu, mas posso te afirmar que aquele post já tinha sido feito a algum tempo, nem sei se antes do sei, e não o programei para dias antes para parecer que vc me copiou ou algo parecido. Pq posso lhe afirmar que caráter é uma coisa que possuo.

Fiquei sabendo que vc publicou em algum grupo do facebook sobre o assunto, não sei se falou que se tratava de mim, mas enfim, não vou ficar remoendo isto, pois tenho a consciência tranquila, tanto que apaguei meu post, sem ao menos ter lido o seu e já refiz o meu.

E outra coisa, eu já realizei trabalhos sociais e continuo os realizando. Aliás, não tenho que dar satisfações disto a ninguém, pq qdo se faz uma caridade um bem as pessoas não é necessário ficar colando cartazes por aí.

Por mais uma vez lhe digo que isto me magoou muito e como vc mesmo disse em seu email chega deste assunto.

Ana Carolina

Desconstruindo a Mãe disse...

Ana,

Não sei se tu entendeste qual é a ideia desse post que eu fiz.

Inclusive, se eu o escrevi foi justamente reconhecendo que deveria ter pensado melhor nas palavras que usei e que não deveria ter levado adiante o que estava sentindo. Também fiquei bastante magoada com essa história toda e meu post foi pra fazer um mea culpa, sem te citar, até agora que tu te identificaste, porque não era o caso. Estava falando de como agi impulsivamente.

As pessoas com quem comentei são as que considerei de minha confiança e, caso tenham te levado, talvez fosse com boa intenção. Talvez seja o caso de gente que me aconselhou a baixar a bola e conversar, como comentei no próprio post, querendo que a gente se acertasse. Mas não entendi a conexão entre trabalhos sociais e o post, no caso.

Então... Como disseste, chega do assunto, Ok?!

Ingrid

Beatrix Kiddo disse...

Ok, como vc mesma disse, "enfiou o pé na jaca". Comentou com diversas pessoas e em um grupo do facebook.
Fez um post se auto flagelando esperando piedade das demais.

Mas cadê pedido de desculpas à Ana?

Você quer falar no assunto mas não quer se rebatida. Assim fica fácil 'esquecer o assunto'.

Natalli Araújo disse...

Eu n sei o que é isso "ainda" mas posso entender vc, evite se estressar com esse tipo de coisas pois esse e um veneno que te corroi, e vc vai deixar? os blogs mais populares sempre tem copiadores, n exalte ate pq isso é uma coisa natural. ok, mudando um pouco de assunto eu te sigo ha um tempo e por isso sei que vc vai adorar o novo blog que criei... espero sua vista, nos dois blogs rsrsrs, caso goste fique avontande para seguir e comentar, ficarei muito feliz. bjs

Novo blog
http://ligadeamor.blogspot.com/

Blog antigo
http://educandoocoracao.blogspot.com/

Marcelo Meirelles disse...

Participe da promoção de 2 anos do @pedbrasil e concorra a muitos prêmios! http://kingo.to/10pL

Prêmio especial para quem tem blog!

vanice disse...

Linda atitude Ingrid...Coisa de divaa!!
bjos

Daniela Castro disse...

é muito difícil... mas com o tempo aprendemos com nossos erros. bjos

Ale Quejinho disse...

Nossa quanto tempo que não faço uma visita, estava com muita saudades.
Ale

Toninha Ferreira disse...

Na raiva quem fica mais doente é vc mesmo...ainda bem que resolveu o problema. Espero a sua visita no meu blog.http://cantinhodatoninha.blogspot.com/

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...